terça-feira, 3 de março de 2009

CAP 4 - Um mundo Perfeito? (Alice no País do Pop ®)



Aquela era a casa do Cara. Estava ali, estática, há aproximadamente meia hora. Sentia cãibra na perna esquerda, a direita estava dormente. Um filete de baba escorria do canto da boca, torta. Pessoas riam, outras apontavam. Uma velha senhora, gorda, corcunda e sem toda a arcada dentária superior, não conseguiu impedir que Perigoso, seu vira-lata magrelo, caolho, de rabo torto e orelha mordida, levantasse sua patinha manca para fazer seu xixizinho básico na perna de Alice.
Nem mesmo aquele líquido morno, esverdeado e um tanto quanto ácido, fez com que a repórter acordasse de seu transe. Ela estava em outra realidade, outra onda, outro mundo...

Entrava, saltitando levemente, até o interior da casa.

Luzes de gelatina, cheiro de chiclete de morango, pipocas coloridas explodiam. A sala era uma pista de dança. Coelhos dançarinos flutuavam ao som de uma música envolvente.
Era tudo lindo e ela sentia-se linda também.
De repente, uma fileira de espelhos surgiu em sua frente. Todos com formatos diferentes e aroma de hortelã. Cada espelho refletia uma nova Alice. Alice linda. Alice magra. Alta. Loira. Negra. Homem... Homem?
Seu “Eu” masculino era interessantíssimo. Tinha olhos expressivos e sorriso angelical. Ela já estava apaixonada. Apaixonada e confusa, afinal de contas estava amando seu próprio Eu! Aquilo era se amar? Seu reflexo masculino, aos poucos, ia se modificando. Ficava ainda mais perfeito. Sim ela se amava.
Alice já pensava no enxoval e nas doze daminhas de honra, quando o rapaz saiu do interior do espelho.
Estava cara a cara com “O Cara”!
Não tardou muito. Uma fanática enlouquecida e apaixonada como Alice não agüentaria nem mais um minuto. Ela pulou nos braços do cantor, tascando-lhe um demorado beijo babado.
Ele retribuiu animadíssimo. Num estante parecia que estava latindo de felicidade. Alice jamais havia reparado que seu ídolo era tão peludo, porém achou fofo o fato dele balançar o rabo, mesmo este sendo torto.
Uma bengalada no meio da testa fez a jovem sair do transe. Uma dúzia de pessoas deleitava-se com a visão. Alice, de quatro, beijava, apaixonada, o Perigoso.
Envergonhada, descontrolada e, até mesmo, um pouco assanhada, Alice correu em direção a casa, onde entrou batendo a porta.

Não tinha coelhos, pipocas ou gatões saindo de espelhos, mas também não era muito normal.
Todas as paredes eram estampadas com fotos do antigo cantor. Alice tudo fotografava, tudo tocava, tudo queria. Não havia sinal de Cara estar no recinto.
Todo sonho de uma fã estava acontecendo e seu coração lutava para sair do peito e pular por aquele chão brilhante. Precisava de uma recordação, mas ia se segurar para não pedir uma cueca de seu ídolo, afinal de contas era uma repórter séria e estava ali, exclusivamente, a trabalho. É claro que nem ela mesma acreditava neste pensamento, tanto que, logo esqueceu de tudo, ao avistar a lixeirinha do Cara. Com água na boca, olho arregalado e uma curiosidade diabólica, Alice jogou-se no objeto, onde quase entrou de cabeça. Co sorte poderia achar um chiclete mastigado, que guardaria com todo carinho. Só havia lenço de papel! Pelo jeito o cara mais perfeito do universo estava resfriado. Alice já tinha enfiado o lenço no bolso, quando o alarme disparou. Seria presa?

CONTINUA...

"Alice no país do Pop" é um texto de minha autoria que estarei publicando aqui no blog. É um texto registrado em cartório, portanto, pense bem antes de copiar...

25 comentários:

  1. Será q ela vai ser presa ? auhauha, igual as fanaticas por zac efron, auhauha, abs.

    Dá uma passada lá :)
    se quiser linkar..
    add no msn mixell__@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. ADOREI TUA FOTO DO PERFIL
    E EU NUM VO NEM RI DO TEU TEXTO
    RSRSRRSRSRSRSRSRRS

    ResponderExcluir
  3. Bem, vou ter que ler as outras partes primeiro...
    O Nome já é interessante, vou conferir.

    Abraços!
    http://blogataverna.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. aoieoaioeioe

    cara ameii alice no pais pop!
    baita criatividade!

    parabéns!

    se kiser

    http://marca-de-batom.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. o perfil desse blog é do caralho e o texto então suprabistrato, show, aliás o fato de a Alice ter-se apaixonado pelo seu eu no espelho numa perspectiva masculina, foi a sacada.

    ResponderExcluir
  6. Interessante seu post,e seu blog é além de muito bonito, irreverente(fotos:nao vejo, nao falo, nao ouço)creio que sejam besterias
    huahuahauu

    adorei parabens mesmo

    ResponderExcluir
  7. ahhh kee super *_*
    e ai o kee será kee vai acontecer?
    texto muito criativo
    adorei

    beejo

    ResponderExcluir
  8. Acho que vou ter que ler desdeo início, mas a maneira com que vc escreve eh bastante original, gostei!

    Parabéns ;D

    ResponderExcluir
  9. ah

    Primeiro:
    Simplesmente amei o texto. Até tinha pensado em algo do tipo, mas o titulo seria Deu a Louca na Alice... ou algo do tipo. É legal escrever coisas assim...

    Segundo:
    Muuito obrigada pela visita :]

    Terceiro:
    Aquele é um texto meu e ficticio ;]
    Quando posto de outros procuro a origem, mas na maioria das vezes é de amigos e eles dão um oi por lá.

    Quarto:
    Sem sombra de duvida você está entre meus favoritos x)

    Quinto:
    Eu quero conversar com você! rsrsrs
    Como assim você gosta de carne crua?

    ok ok..
    controlando as emoções...
    Vou voltar por aqui.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  10. Legal seu blog.

    Visita lá o meu:

    http://cineminhacompipoca.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Ficou muito interessante. Já tentou duas comunidades no orkut que trabalham com a literatura fantástica? Uma é a Escritores de Fantasia (http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=946312) e a outra é FC & Fantasia Texto e Crítica (http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=41405481)

    ResponderExcluir
  12. Muito bom messsmooo
    parabens!!! com certeza irei ler todos os posts, pois voce cativa agente com o seu modo de escrever, parabens

    ResponderExcluir
  13. caraaa, adorei o texto PARABÉNS ...

    Vou voltar aqui para conferir essa historia ...otima a maneira com que usa as palavras, otimo o titulo, otimoo blog ! GOSTEI DE TUDO !

    Voou acompanhar o/
    Beijos, parabens;*
    http://menosummaisum.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Um tanto diferente eu diria. Hehe.

    Abraço fera.

    Sarna.
    www.quartouniversitario.com

    ResponderExcluir
  15. nem falo o que eh realmente torto!
    brincadeira..
    mas minha mente piorou mais depois do seu texto
    abraço
    prazer em conhecer seu blog..

    prazerzaçooo

    ResponderExcluir
  16. Muito bom esse texto! Depois vou juntar tudo pra ler na íntegra! Acompanharei aqui!

    Ah... a sitação no meu blog é de minha autoria mesmo. Valeu!

    ResponderExcluir
  17. Cara, tem muito tempo que eu vi um blog com postagens assim (alice no país do pop), parece que é o mesmo blog...o que significa que ele deu certo o,Ó

    o que dizer, os textos são foda, sempre kkkkkk

    abraços

    ResponderExcluir
  18. Talvez a minha percepção esteja errda e a retórica idem, mas...

    O que me chama mais a atenção no seu post é o aviso 'anti-pirataria' ao final do texto.

    Não que vc esteja errado, mas...

    Talvez, e só talvez, a forma que vc tenha expressado isto tenha fragilizado o seu texto e, é claro, o mote do texto.

    Pense nisso... Se quiser.

    ResponderExcluir
  19. muito bom ! ganhou fã passa la no meu blog e vamos trocar figurinha. alias quer se o convidado da semana que vem
    abraçoss

    http://contemporaneoeindiscreto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  20. Obrigado pela visita e belo belo comentário, sempre que puder...

    Novo conceito Blog!

    http://sensitivereaction.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Vou fazer uma força pra ir desde o início
    Vale a pena eu sei

    ResponderExcluir
  22. Oi querido só entrei aqui agora, mais uma vez estou deixando meu blog abandonadinho.. Finalmente consegui um trabalho em sala de aula de novo! Ademais, tenho produzido bastante pro curso, depois vou ver se posto algo lá no meu cantinho...

    Quanto à Alice
    seria trágico se não fosse cômico, ri alto com o beijo no cachorro!
    Ah, estava vendo, a nossa Alice configura na narrativa aquilo que chamamos de anti-herói, pois apesar desta ser a protagonista da história faltam-lhe as qualidades físicas ou as virtudes que se atribuíam ao herói clássico. xD

    nem imagino o que ainda pode acontecer à pobre Alice...
    Beijos de quem aguarda ansiosamente a continuação

    Boa Semana

    ResponderExcluir